[Votação] Escritor CC Junho

Ir em baixo

[Votação] Escritor CC Junho

Mensagem por marley em Ter Jun 14, 2011 3:30 pm


Nome: patricia carvalho
Spoiler:

Texto: aqui eu não vou escrever texto , vou escrever uma mente, uma ilusão, vou escrever e descrever aquilo que me faz viver, tudo aquilo que me faz sorrir ou até chorar. todas aquelas expressões que publico no mural do facebook, como «sem fôlego , sem pensar nas consequências (como me ensinas-te) digo aqui coisas despropositadas e vindas de um longínquo mundo , que é este o meu coração , digo coisas como o silêncio, silêncio que nunca se vai esquecer das memorias que vivemos lado a lado num mundo, mundo este sem pensar nas consequências. ♥ » ou até «o silêncio é tão valioso quanto a palavra inserta, tão valioso como a amizade que une duas identidades perdidas, pois quando as duas identidades estão perdidas ajudam-se mutuamente, nem que seja uma simples palavra como um amo-te ou um olhar radiante seguido do silêncio que ilumina um caminho, mas sempre o caminho da verdade ♥», vêem de uma vida, uma vida que dia após dia se sente mais desgastada, mas por vezes alguém , sem qualquer razão aviva-me a mente, alguém chamado por melhor amigo ♥ e outro alguém chamado por amor da minha vida ♥. e são certas atitudes que temos que desgastam uma amizade, atitudes rudes, porém nem sempre as desculpas perdoam uma atitude. por isso , como eu mudo tão depressa de assunto , vamos mudar as nossas atitudes rudes.

Nome: Tixa
Spoiler:

Texto: Deitada na cama, a olhar para as mesmas quatro paredes de sempre... brancas, lisas. Tenta colori-las mas não adianta, a tinta não pega. Por vezes surge uma mancha, mas quando tenta olhar para ela, foge...
As paredes não mudam: sempre a mesma cor, o mesmo tamanho, a mesma posição. Não importa o quanto tente, nada vai fazê-las mudar...
Um dia lembrou-se da janela, e ficou ali, a ver o mundo passar. Não, o mundo não passava, estava quieto, como se o tempo tivesse parado.
A janela não muda: sempre a mesma paisagem, sempre a mesma cor, o mesmo tamanho, a mesma posição, os mesmos vizinhos, os mesmos sons. Tem sido assim desde a primeira vez que olhou...
Reparou que tudo muda quando a lua se apodera do céu. Fica mais escuro, mais frio, e até os sons mudam. Até as paredes do quarto mudam... gosta.
Mas ainda assim quer mais, quer saber o que se encontra por detrás daquela porta.
Assim que a abriu conheceu um mundo completamente novo. Saiu, caminhou, foi longe, tão longe que nem sei dizer o quanto se afastou daquele quarto.
Um mundo de cores, tamanhos, posições, paisagens, sons... Tudo tão novo e tão mágico!
Mas quando olhou à volta, não sabia o caminho de volta. A magia desapareceu, o mundo tornou-se negro, estava perdida. Desesperou.
Já a ponto de desistir alguém a encontrou e a levou de volta para aquele quarto.
Desde então que ali fica, entre quatro paredes brancas. Com uma só janela para o mundo, e o mundo nunca muda...
A janela é demasiado alta para fugir, e demasiado baixa para morrer...
A porta... não sabe se quer voltar a abri-la...

PS: Na altura fez todo o sentido para mim, não literalmente como é óbvio. Resolvi partilha-lo na terceira pessoa, porque aquela miúda já não sou eu, mas é sempre bom recordar... nem que seja para não voltar a cair nos mesmos erros.

Nome: Cii.
Spoiler:

Texto: Era suposto ser só uma brincadeira, mas de repente tudo tornou-se sério e agora não sei em que acreditar, a única coisa que sei que aquilo que sentia mudou. Não sei se algum dia perceberas, compreenderás ou até muito menos do que isso, saberás! Queria que tudo fosse diferente. Tudo fosse perfeito, mas não é, e tu não estás aqui! O que me adianta sonhar e pensar em ti? Tu não responderas, tu nem ouviras. Por isso mais vale acabar com todos os sonhos que algum dia eu poderia ter, pois os sonhos são o oposto da realidade. São um mundo de fantasia, em que todos quereriam viver. Durante toda a minha vida eu sonhei, e sonhei e não me apercebia do eu acontecia á minha volta, e que tudo mudou, que tudo está diferente, que tudo pode ser verdade como mentira, como tudo pode ser perfeito ou uma desgrassa. Mas mesmo assim a única coisa que eu queria era que tu soubesses disto tudo, para não ser só um sonho, mas uma realidade!

Nome : Suuzy Silva
Spoiler:

Texto: ; Os dias são cinzentos, coloridos, a chuva cai seca na terra molhada, o vento sopra doido com calor, as horas passam como se fossem minutos, a música faz-se sempre escutar rouca, as estrelas aparecem lindas e brilhantes de dia, o sol nasce á noite, rodeado por nuvens lindas e brancas num céu de cor azul bébé, os passaros são mudos e voam pra longe , os carros não fazem barulho e não há filas de transito, os transportes publicos são quentes e acolhedores, as pessoas vivem felizes que nem loucas para protegerem aquilo que é seu com todas as suas forças, e eu não sobrevivo como faço no mundo real, aqui eu vivo! neste mundo ao contrário que vive na minha cabeça, este mundo ao contrario que pintei na minha tela, pode até estar tudo normal cá fora e deprimente como sempre, mas é assim que as coisas funcionam aqui dentro, tudo porque neste meu mundo as pessoas simplesmente dão valor ao facto de as estrelas nascerem de dia, ao facto de o sol nascer de noite, á chuva cair seca nas terras molhadas, e ao estarem fascinadas com este mundo nem perdem tempo a serem falsas, e a mentir, mas mais importante do que repararem nesses promenores todos .. as pessoas aqui neste mundo perdem tempo, ao proteger que nem loucas aquilo que querem , aquilo que lhes pertence, que é o que aqui no mundo real não fazemos.

Nome : marley
Spoiler:

Texto : sinto-me livre a cada passo que dou, sinto-me eu mesma, sinto – me bem. agarras-me com tanta força que me fazer sentir calafrios , que me fazes querer mais e mais . fazes-me recuar no tempo, fazes-me voar e ao mesmo tempo aterrar. levas-me ao céu, levas-me á lua, levas-me a tudo o que seja distante. dizes-me as palavras certas, nos momento certos, abraças-me quando mais preciso. és tão sincero quando me falas, quando me tocas, quando me beijas. consegues pôr-me quente por dentro, consegues pôr-me com vontade de te querer…
eu troquei o Mundo tudo por ti, eu confiei tanto em ti, eu entreguei-me de corpo e alma a ti. e agora choro, enquanto tu sorris e dizes que eu era fraca de mais, que me enganas-te, que era tudo mentira (…)
o carinho que eu te dei, todo o amor que eu te dei, eu agora vejo que foi em vão !

Nome: anafs;
Spoiler:

Texto: Bem, vou contar-vos como tudo se passou:
Eu estava sozinha no quarto quando ele apareceu. Começámos por brincar, trocar sorrisos e gargalhadas... As coisas foram ficando mais intimas, caí em cima dele, e deixei-me ficar. Olhei-o nos olhos e ele nos meus, fixamente. Que olhar... Mordi o lábio, senti-o arrepiar-se. Estava tudo tão quente... Ele queria-o, via-se nos seus olhos. De repente, saí de cima dele, e sentei-me na cama, do seu lado.
- Calma... - disse ele num tom suave, puxando-me para ele. Beijou-me. Que lábios...
Voltei a afastar-me de repente.
-Desculpa, mas não pode ser - disse eu, em direcção à porta.
-Não vás! Não há problema, fica... - pegou-me ao colo e deitou-me.
Deitou-se do meu lado a olhar para mim, calado. Aquele silêncio estava a mexer comigo de um mode inexplicável...
Pôs o seu braço sobre a minha anca e foi passando a mão de uma forma arrepiante. De repente, sem eu dar por isso, já tinha a minha mão entre as pernas dele; corei quando me apercebi.
O quarto estava muito pouco iluminado, o que facilitava as coisas. Que clima...
Entre beijos na boca, beijos no pescoço, peito... O quarto estava a ferver, os nossos corpos colados, que desejo... A mão dele desceu até ao botão das minha calças.
- Não! Desculpa, mas eu não posso continuar. - disse, ao tirar a mão.
- Está tudo bem, sente, não penses, sente só.
Voltou a por a mão, desapertou as calças e, enfim, vocês sabem o que aconteceu a seguir.
O corpo dele colado ao meu... Hmm... Doce tentação.

Agora perguntem-me: gostei de percar? Sim. Arrependo-me? Não

"O fruto Proibido é o mais Apetecido."


Têm até dia 28 de Junho para votar no melhor escritor !
Boa sorte a todos .

avatar
marley
Adepto
Adepto


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Votação] Escritor CC Junho

Mensagem por HBK em Ter Jun 14, 2011 4:29 pm

Cii.
avatar
HBK
Avançado
Avançado


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Votação] Escritor CC Junho

Mensagem por téefernandes em Ter Jun 14, 2011 7:25 pm

suu'zy silva
avatar
téefernandes
Administradora
Administradora


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Votação] Escritor CC Junho

Mensagem por patricia carvalho em Ter Jun 14, 2011 9:45 pm

anafs;

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Votação] Escritor CC Junho

Mensagem por - é a ARCO em Ter Jun 14, 2011 10:42 pm

ana

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Votação] Escritor CC Junho

Mensagem por marley em Qui Jun 16, 2011 3:42 am

suu'zy
avatar
marley
Adepto
Adepto


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Votação] Escritor CC Junho

Mensagem por Convidad em Qui Jun 16, 2011 3:38 pm

Marley

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Votação] Escritor CC Junho

Mensagem por Ellê em Qua Jun 22, 2011 12:21 am

anafs
avatar
Ellê
Avançado
Avançado


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Votação] Escritor CC Junho

Mensagem por sarap. em Qua Jun 22, 2011 3:12 am

daaaamn |; ana.
avatar
sarap.
Aprendiz
Aprendiz


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Votação] Escritor CC Junho

Mensagem por ; chocapiic em Qua Jun 22, 2011 11:43 am

patricia *-*

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Votação] Escritor CC Junho

Mensagem por eliolopez em Seg Jun 27, 2011 3:58 pm

Suuzy Silva
avatar
eliolopez
Aprendiz
Aprendiz


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Votação] Escritor CC Junho

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum